Mike Patton e Mondo Cane

Mike Patton, vocalista do Faith No More, fez um dos shows mais interessantes da segunda noite do Rock in Rio, senão o mais. Ele se apresentou com seu projeto Mondo Cane, só com músicas românticas italianas das décadas de 50 e 60.  Além de sua banda, ele contou com a participação da Orquestra de Heliópolis, formada por jovens da comunidade de São Paulo.

O palco Sunset atrasou tanto que o show, previsto para as 18h (e último daquele palco), começou às 19h40, quando o NX Zero já se apresentava no palco Mundo. O atraso fez com que o show do Stone Sour atrasasse também – ele só começaria depois que o palco Sunset estivesse encerrado. Porém, Patton resolveu tocar mais duas músicas enquanto o outro show já havia começado.

Aqui, ele recria a clássica Senza fine (1961), de Gino Paoli, a única que eu reconheci no show, e Sole malato (1967), de Domenico Modugno.

 

Obs.: Quando a gente entra no site do Faith No More, tem uma foto de uma mesa da Casa da Feijoada com a legenda: “Brazil!!!” <3

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.